Amor, crime e suicídio

Um crime passional seguido do suicídio do suposto assassino abalou a pacata Teresópolis nesta manhã de sexta-feira (17)

A cidade ainda acordava meia sonolenta devido a uma frente fria que trouxe uma chuvinha que insistia em convidar a todos em ficar debaixo das cobertas, mas o implacável despertador do Smartphone já avisa que é hora de sair e já tem muitos posts no Facebook  já a essa hora da matina e que dão conta desse brutal assassinato da Aline Maiani seguido do suicídio do conhecido, Marcelo “Paramédico”, na verdade, um colega de trabalho amigo do ramo de eventos que nunca mostrou sinais de comportamento violento, a não ser pela prática do porte de armas, o que condeno.

Foi genro do ex-prefeito Mario Tricano, o que o catapultou à carreira política quando ocupou cargos de secretário e diretor de eventos da Prefeitura e recentemente foi assessor parlamentar do ex-vereador Marcelo Oliveira.

Marcelo e Aline em recente evento com amigos. Um casal normal aparentemente.

Marcelo e Aline em recente evento com amigos. Um casal normal aparentemente.

Ele deixa filhos, a família e belos projetos pelo caminho para virar o centro de discussões acaloradas nas redes sociais sobre amor, ciúmes, ódio, covardia e perdão.

Recentemente a revista Veja ouviu especialista sobre o porquê de “amor, ciúme e morte andarem juntos na crônica policial” e o que leva alguém à decisão extrema de matar uma pessoa com quem mantém ou manteve um relacionamento afetivo? Para os especialistas ouvidos, não é possível estabelecer um padrão de comportamento que explique todos os casos. Entretanto, há, sim, uma característica comum nos episódios: os crimes são motivados por sentimentos como ciúmes, insegurança e necessidade de posse elevados à potência máxima.

Para o psiquiatra forense Guido Palomba, a maneira de lidar com esses sentimentos exacerbados é o que diferencia o comportamento considerado normal de outro propenso à execução de atos extremos, como um assassinato. “Todos nós sentimos ciúmes, mas ponderamos nossas atitudes de acordo com nossos valores morais e éticos”, afirma Palomba. “Algumas pessoas, entretanto, possuem estrutura psicológica mais frágil e têm mais dificuldades para lidar com frustrações e normalmente julgam que têm poder ilimitado sobre outras pessoas. Em certas circunstâncias, cometem o delito.”

De acordo com Palomba, o ciúme extremo pode levar a quadros patológicos. Para evitá-los, é necessário atenção aos sinais apresentados pelo parceiro. “Há sempre indicadores, como o controle excessivo. Quando aparecem as ameaças e as agressões propriamente, o caso é realmente sério”, afirma o psiquiatra.

Na opinião de Daniel Martins de Barros, psiquiatra do Núcleo de Psiquiatria Forense do Hospital das Clínicas (HC-SP), a hipótese de patologia não pode reduzir a responsabilidade do crimonoso por seus atos. “O ser humano é um ser racional e nossos afetos são subordinados à razão”, afirma Barros. “A paixão não exclui a responsabilidade do ser apaixonado, que deve responder criminalmente por seus atos, se for o caso. Hoje, não se aceita mais o argumento do ciúme extremo como explicação para um crime desse tipo, o que revela amadurecimento da própria sociedade”.

Anúncios

Sobre O interior do Rio

Um entusiasta do interior do Estado do Rio e de seus valores. O desenvolvimento começa aqui.
Esse post foi publicado em Uncategorized. Bookmark o link permanente.

15 respostas para Amor, crime e suicídio

  1. leonardo disse:

    Lamentavel tudo isso ,que Deus conforte seus Familiares e amigos!

  2. Celia Ruas disse:

    Isso não é amor, é a forma mais sórdida de egoísmo!

  3. Marcos Câmara disse:

    Não sou ninguém para julgar as pessoas, cada um é responsável pelos seus atos, mais se suicidar e levar uma Mãe ! isto não é justo, todos que os conhecem irão sofrer, mais e os filhos que vão levar para o resto da vida este acontecimento triste ! que Deus perdoe este ser que não pensou nos filhos. Conheci muito Marcelo, pessoa calma e um grande profissional, mais nada justifica este ato, realmente é de deixar o queijo cair.

  4. ELIANE disse:

    SE ISSO E AMOR ,JAMAIS QUERO AMAR ALGUEM ,PRA MIN ISSO E O MAIS PURO EGOISMO POR ACHAR Q E DONO DA PESSOA Q TEM UM CERTIFICADI D POSSE ,COMO SE A COMPANHEIRO OU O COMPANHEIRO SAO APENAS OBJETOS……POR ISSO Q AINDA QUESTIONA OQ ADIANTA TER TANTO ESTUDO E SER DESTA FORMA ..SEM DEUS NO CORAÇAO..DESCULPE, PELO DESABAFO ,MAS EU SINTO MTO PELA , MORTE DELA E NAO A DELE ………..

  5. Cileide Viana disse:

    Isso é muito triste…. Sem palavras….

  6. Sonia Ramos disse:

    O que segura uma relação é cada um se sentir livre o bastante para querer se prender ao outro…
    NÃO existe nenhuma justificativa para alguem matar o outro apenas por este não querer continuar numa relação.
    Ele só fez o correto quando se submeteu ao castigo que eu considero o correto. MATOU / MORREU. Eu defendo a pena de morte para crimes hediondos e por motivo torpe, sem dar nenhum meio de defesa a vítima.

  7. Pierre Rolin disse:

    Eh um fracassado… Egoista… Vai queimar no Inferno…

  8. JORGE MARAVILHA disse:

    QUE DEUS DÊ ALENTO ÀS FAMÍLIAS ENLUTADAS.

  9. Maria Julia Pereira Salles disse:

    O que significa a expressão “prática do porte de armas”?

  10. patricia disse:

    Falar de suicidio e muito complicado cada um tem seus motivos…
    Mas quem Não queria viver mais era ele.

    Tirar dela o direito de viver!!!, foi muita coverdia ,com ela e a familha…

  11. maria da conceição angela costa disse:

    estou chocada, com esta noticia, poxa um casal tão jovem cheias de vida e de planos… qum sabe…o que pode levar uma pessoa a cometer um atrocidade dessas … por momento d insensatez…acho abminável…. falta deus na vida das pessoas….

  12. adriana disse:

    gente …Deus não nos dá o direito de julgar as pessoas, sei que foi um acontecimento muito triste , onde afetou varias pessoas….mas nesse momento peço que vcs pensem um pouco nas familias que não tem nada a ver com o que aconteceu e esta sofrendo muito , principalmente os filhos….

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s